Ex-secretários de Estado presos pela Polícia Federal, na Operação Custo Político

A prisão pela Polícia Federal dos ex-secretários de Estado Evandro Melo, Wilson Alecrim, Pedro Elias e Raul Zaidan revela-se como fato inédito na história do Amazonas, ao lado de empresários e de outros personagens de menor importância.

Bem, pelo visto, trata-se de uma ação que inaugura nova fase da Operação Maus Caminhos, que desvendou um rombo de muitos milhões de reais no sistema de saúde do Estado. Recebeu o nome de Operação Custo Político, numa referência às propinas cobradas pelos acusados, destinadas a financiar a ação de lideranças políticas de larga projeção envolvidas no esquema criminoso.

Por enquanto, segundo fontes com acesso às investigações, os atos policiais chegaram aos intermediários e a figuras de segundo escalão no escândalo, mas logo atingirão os chefões ou líderes das diversas organizações criminosas, tenham a posição que tiverem nos altos escalões do poder, com ou sem foro privilegiado.

Hoje, certamente, o Amazonas estará ocupando amplo espaço nos jornais televisivos, em cadeia nacional, pelo lado do opróbio, com graves e irrecuperáveis prejuízos para a imagem do Estado e de seu povo.

 

Deixe um comentário